11 3569-9844 | 21 2533-2961

O que impacta o público feminino na publicidade?

O dia 8 de março é marcado pelo Dia Internacional da Mulher e, para comemorar esta data, os principais anunciantes do país investem em estratégias de comunicação e relacionamento, visando gerar empatia e aproximar as marcas de suas consumidoras.

Mas diante das transformações dos últimos tempos, a respeito da posição da mulher na sociedade, qual a percepção do público feminino frente à publicidade?

Hoje, se sabe que 65% das mulheres brasileiras não se sentem representadas pelas propagandas criadas no país, muito embora representem 85% do poder de compra. Nesse cenário de intensa reflexão e discussão de ideias, a forma de fazer publicidade precisa ser diariamente questionada e a pertinência do tema na sociedade faz com que as grandes organizações estejam cada vez mais atentas a ele.

Em paralelo a isso, é preciso considerar o papel do marketing nos dias atuais. O que se espera é uma comunicação feita de humanos e para humanos, colocando, mais do que nunca, o respeito com os consumidores e suas diferenças no centro das campanhas.

Pensando nesses desafios, resolvi trazer um dos aprendizados sobre comunicação para as mulheres retirados da primeira plataforma que reúne insights de comunicação a partir da análise neurocientífica de mais de 1000 filmes publicitários: o BRAIN! Vamos lá?

Alguns estudos mostram que existe uma diferença no cérebro de homens e mulheres quando se fala do processamento de comunicação não verbal. O público feminino acaba sendo mais sensível a expressão não-verbal e, por isso, possui uma maior facilidade para interpretar esse tipo de comunicação.

Essa diferença pode ser vista na análise de comerciais que a Forebrain realiza diversas vezes por ano. Os filmes publicitários presentes no BRAIN, que possuem construções baseadas em comunicação não-verbal, são capazes de gerar um maior engajamento atencional para as mulheres quando comparado com os homens.

É importante estar sempre atento(a) às peculiaridades do cérebro de cada um no momento do planejamento e criação de peças publicitárias, para que as peças sejam capazes de atingir o público com quem a marca quer se comunicar.

Se você tiver interesse em entender outras estratégias eficientes em impactar o inconsciente das mulheres, acesse nosso webinar Mulheres e a Propaganda”. Esse estudo aborda padrões de comportamento e beleza, percepção de estereótipos, hipersexualização da figura feminina e a representação maternidade, analisando diferentes estratégias das marcas na hora de se comunicar com o sexo feminino e também de representá-lo. Aproveite!

Deixe um comentário

© Forebrain. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Agência Inbound